Loucas de Pedra – Emilio Boechat

Mulheres são os alvos preferidos de assaltos em faróis, seqüestros relâmpagos e revendedoras da Jequiti. LOUCAS DE PEDRA é uma coletânea de textos de humor escritos entre 1991 e 2015 pelo dramaturgo Emilio Boechat (autor das comédias CAMILA BAKER, EU ERA TUDO PRA ELA & ELA ME DEIXOU, O SOL ESTÁ QUENTE & A ÁGUA ESTÁ ÓTIMA, TUDO DE MIM e LULUZINHAS, It’s illegal, but it’s Okay: The adventures of a Brazilian alien in New York City (English Edition) entre outras; além de já ter escrito para TV novelas como OS MUTANTES, BELA A FEIA, REBELDE, PECADO MORTAL e OS DEZ MANDAMENTOS).

Loucas de Pedra

Loucas de Pedra

Em todos os textos as mulheres são protagonistas de situações cotidianas capazes de deixar qualquer uma delas louca da vida. Com uma pitada de absurdo e exagero e um final sempre surpreendente, problemas bem femininos são abordados de uma maneira original, inteligente, leve e divertida. Tem a mulher que vive fazendo plásticas; a que está sempre adiando o dia de começar a malhar; a que pensa que seu filho é uma estrela de TV; a que sonha em roubar o emprego da chefe; a que se preocupa demais com a segurança da filha; a que adora o Clube das Mulheres; a que afirma ter sido presa por um crime que não cometeu; entre tantas personagens engraçadas, mas nada frágeis.

 

“Sensacional! Morri de rir! Eu já conheço outros textos do Emilio e é sempre muito engraçado, muito bem escrito e uma delícia de ler e de assistir. LOUCAS DE PEDRA reúne mulheres bem reais e bem divertidas, embora trágicas – hahaha. Mulheres que, apesar de loucas de pedra, pelo olhar e o texto do Emilio, são capazes de nos fazer pensar sobre muitos aspectos da vida contemporânea – e refletir sobre a nossa própria existência, nossos hábitos, nossas próprias loucuras. Imperdível. Leia e não se arrependa! Se for atriz – como eu -, acredite, você vai ter vontade de montar isso no palco e fazer todos os papéis!! Bom demais!” Amazon Costumer

Comprar “Loucas de Pedra: As loucuras que elas fazem e eles adoram”

EMILIO BOECHAT é dramaturgo indicado ao Troféu Mambembe de Melhor Autor em 1999, pela peça Eu Era Tudo Pra Ela E Ela Me Deixou; espetáculo do qual saiu o personagem vencedor do Prêmio Multishow do Bom Humor, interpretado por Marcelo Médici em 1998. É autor de comédias como Camila Baker, lives in concert (indicada aos prêmios APETESP e SHELL); Luluzinhas, Tudo de Mim, O Sol Está Quente & A Água Está Ótima e TRÊS MULHERES BAIXAS. Camila Baker ganhou várias remontagens pelo Brasil e em Portugal. Em 2005, com Daniel Boaventura, Leonardo Brício, Marcos Mion, Otávio Muller e Danton Mello. Eu Era Tudo Pra Ela E Ela Me Deixou foi remontada em 2011 estrelada por Marcelo Médici. Em Televisão, Emilio Boechat já passou pela Rede Globo (Angel Mix e Zorra Total, 1999), Bandeirantes/ RGB (Floribella, 2005 e Floribella 2, 2006), GNT (Mulheres Possíveis 2007/ 2008/ 2009), Multishow (Na Fama, Na Lama 2011). Desenvolveu para a FremantleMedia Marcas Da Vida (2010/2011), docudrama exibido na Rede Record (2011).

Desde 2006 é contratado desta emissora, onde já escreveu e colaborou nas novelas: Luz do Sol, Amor e Intrigas, Os Mutantes, Promessas de Amor, Bela a Feia, Rebelde 1ª e 2ª temporadas (que assumiu como autor principal nos seus 4 últimos meses no ar); Pecado Mortal de Carlos Lombardi; o especial de fim de ano, Balada, Baladão (2010), e a minissérie bíblica Rei Davi (2011/ 2012). Atualmente faz parte da equipe de OS DEZ MANDAMENTOS. Em cinema, escreveu ao lado de Marilia Toledo o longa-metragem, LASCADOS, O FILME, estrelado por Paloma Bernardi e Chay Suede e o roteiro da comédia romântica “O Galã” (título provisório) para a Ramalho Filmes.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: